HomeCabo FrioCabofriense luta muito, mas toma gol no fim e perde para o...

Cabofriense luta muito, mas toma gol no fim e perde para o Flu

Tricolor Praiano faz jogo equilibrado, mas perde boas chances na derrota em estreia do Campeonato Carioca

-

A Cabofriense lutou bastante; teve duas grandes chances de gol, uma em cada tempo, mas não resistiu ao Fluminense, na partida estreia da equipe no Campeonato Carioca, na noite deste domingo (19), em Bacaxá. O gol foi marcado pelo meia-atacante Nenê, aos 40 minutos do segundo tempo, em bela triangulação com Matheus Alessandro e o estreante Hudson.

O gramado do Estádio Elcyr Resende estava bastante irregular, o que prejudicou o toque de bola das equipes. Contudo, o time da capital teve mais iniciativa na fase inicial. Apesar disso, curiosamente, a melhor chance ficou com o time da Região dos Lagos, quando Marcus Índio, em chute colocado de fora da área, obrigou o goleiro Marcos Felipe a fazer uma grande defesa. O técnico Alfredo Sampaio saiu na bronca com o time por causa da pouca posse de bola.

O papo no intervalo surtiu efeito e o Tricolor Praiano passou a ter mais presença no campo de ataque no segundo tempo. Aos 7, a Cabofriense perdeu um gol feito. O experiente atacante Max chegou a driblar o goleiro Marcos Felipe, mas, com a meta aberta, chutou em cima do zagueiro Luccas Claro, desperdiçando excelente oportunidade. Aos 15, o árbitro ignorou um pênalti cometido pelo zagueiro cabofriense Anderson Penna em Lucas Barcelos.

Depois do tempo técnico, o Flu reequilibrou as ações e a partida seguia indefinida até o fim, quando o time das Laranjeiras deu a estocada fatal. Após o gol, o Tricolor Praiano ainda tentou o empate, mas não levou real perigo à equipe da capital.

Com a derrota, o time está na quarta posição da chave A, ao lado de Botafogo e Portuguesa. A próxima partida do time de Cabo Frio é fora de casa, na quarta-feira (22), às 16h, contra o Volta Redonda, no Estádio Raulino de Oliveira.

CABOFRIENSE 0 X 1 FLUMINENSE

Estádio Elcyr Resende (Bacaxá- Saquarema)

Cabofriense: George, Watson, Igor, Anderson Penna e Guilherme, Magno, Rafael Pernão, Gama (Rincon) e Abner, Max (Dudu Pedrotti) e Marcus Índio. Técnico: Alfredo Sampaio

Fluminense: Marcos Felipe, Gilberto, Luccas Claro, Matheus Ferraz e Orinho, Yuri (Pablo Dyego), Hudson, Dodi e Nenê, Lucas Barcelos (Matheus Alessandro) e Felippe Cardoso (Miguel). Técnico: Odair Hellmann

Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus

Gol: Nenê (40 min./2°t)

Renda: R$ 99 mil
Público: 3.650 (pagantes) e 4.050(presentes)

- Advertisment -

Colunas

Mais lidas

Percurso passa pelo Vale das Pitangueiras, Mirante das Conchas e Morro do Vigia. Foto: Reprodução/ Internet

‘Dia Mundial de Mares Limpos’ acontece neste sábado na Praia do...

0
Neste sábado (30), será realizado o “Dia Mundial de Mares Limpos” na Praia do Peró, em Cabo Frio. A ação vai unir trilheiros, mergulhadores,...
%d blogueiros gostam disto: