Começa a obra de conclusão do cinturão de proteção da Lagoa de Araruama

Prolagos vai investir mais de R$50 milhões na implantação de 26 km de tubulação. Primeiro local a receber a obra é Ubás, em Iguaba Grande

0
112

Retroescavadeiras, tubulações e homens trabalhando. Parte da rua Manacás, no bairro Ubás, em Iguaba Grande, já abriga um canteiro de obras para a conclusão do cinturão coletor de esgoto no entorno da Lagoa de Araruama. A área foi escolhida pela Prolagos para dar início à operação que vai implantar cerca de um quilômetro de rede que receberá o esgoto que sai dos imóveis iguabenses. Uma caixa de captação em tempo seco será instalada na via para interceptar os resíduos e impedir que eles caiam no valão de Ubás e sigam para a laguna. No local também será construída uma estação elevatória, que irá bombear o material coletado até a Estação de Tratamento de Esgoto da cidade. O começo da operação foi acompanhado pelo diretor-presidente da concessionária, Pedro Freitas, e o prefeito do município, Vantoil Martins.

Em até 90 dias, a tubulação irá percorrer as margens da laguna e seguir até próximo ao Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV), onde será interligado ao trecho que já está em operação.. A obra também se estenderá para as cidades de Arraial do Cabo, Cabo Frio e São Pedro da Aldeia totalizando a construção de 26 km de cinturão. O investimento de R$50 milhões irá contribuir para a melhoria gradativa da qualidade ambiental da maior laguna hipersalina em estado permanente do mundo. “Fiz questão de presenciar o início das obras que irão contribuir ainda mais para a manutenção da balneabilidade do nosso principal cartão postal, que é a Lagoa de Araruama. Esse é um feito muito importante para o meio ambiente, turismo e desenvolvimento econômico da nossa cidade”, pontua Vantoil.

Além de Ubás, em Iguaba; a Praia do Siqueira, em Cabo Frio, também irá receber a construção do cinturão no entorno da laguna. As obras que estão previstas para agosto, também irão contemplar a implantação de cerca de três quilômetros de rede separativa de esgoto, que irá atuar em complemento ao Coleta em Tempo Seco, atual modelo de esgotamento sanitário em vigor, reforçando a proteção ao meio ambiente e beneficiando mais de 1.300 moradores.

Também fazem parte do cronograma os bairros Recanto das Dunas, Vila do Sol, Jacaré (próximo ao Mercado de Peixe) e Porto do Carro, em Cabo Frio; e Vinhateiro, Mossoró, Baixo Grande, Nova São Pedro e Campo Redondo, em São Pedro da Aldeia. A construção irá se somar aos 38 km de cinturão já implantados na área de concessão da companhia. “Atualmente 85% das praias banhadas pela Lagoa de Araruama estão em boas ou ótimas condições, proporcionando recordes de pescado, o surgimento de cavalos-marinhos e o impulsionamento da economia e turismo da Região dos Lagos. Nossa intenção é blindar a laguna, elevando ainda mais esses índices”, ressalta o diretor-presidente, Pedro Freitas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here