Início Cabo Frio George salva a Cabofriense e partida termina com empate na estreia pelo...

George salva a Cabofriense e partida termina com empate na estreia pelo Carioca

Atacante João Carlos garantiu o gol da equipe, que conquista um ponto no campeonato

-

O duelo da Cabofriense contra a equipe do Nova Iguaçu na estreia do Campeonato foi eletrizantes e com lances de fazer os torcedores vibrarem. Com verdadeiros milagres do goleiro George, o Tricolor Praiano conquistou um empate na Baixada Fluminense. O gol ficou por conta do atacante João Carlos.

O primeiro tempo foi de toque de bola, com dois times tentando encontrar uma brecha em no ataque adversário. Aos três minutos, Davi Ceará fez boa jogada tentando passar a bola para João Carlos, mas o goleiro do Nova Iguaçu garantiu a defesa.

Após a parada técnica, o jogo voltou mais quente e aos 22 minutos a Laranja Mecânica da Baixada abriu o placar. Paulo Henrique cobrou uma falta para dentro da área da Cabofriense e o atacante Adriano desviou para o fundo da rede.
Mas o Tricolor Praiano não deixou abater e aos 30 minutos João Carlos marca para a Cabofriense após boa jogada pela ponta esquerda de Kaká Mendes, que tocou a bola para Davi Ceará, que furou o chute de letra e a bola sobrou para o atacante da equipe de Cabo Frio.

Aos 40 minutos, o goleiro George fez boa defesa e impediu um gol do Nova Iguaçu. Após lançamento, Wescley desvia a bola para Adriano que ficou cara a cara com o goleiro do Tricolor, que conseguiu realizar a defesa da bola que seria o segundo gol do time da casa.

Na segunda etapa, o Laranja seguiu apertando a equipe de Cabo Frio. E quase conseguiu abrir vantagem aos 3 minutos, quando o lateral esquerdo Airton vacilou na zaga e Adriano arriscou um chute da meia-lua mas mandou a bola para fora. Aos oito minutos também os donos da casa quase estufaram as redes da Cabofriense quando Adriano sofreu falta de Leandro Eusébio. O zagueiro Murilo Henrique cobrou direto para o gol. George conseguiu defender, mas a bola ainda bateu na trave antes de sair.

“São George” opera dois milagres para a equipe de Cabo Frio no que seriam duas jogadas de gol certo. Primeiro após Wescley sair na cara do gol, o goleiro da Cabofriense defende o chute, oferecendo rebote a Vinícius Paquetá, que chutou a bola e a zaga salvou a bola em cima da linha, na sequência a defesa consegue afastar a bola e o susto de vez. O segundo milagre aconteceu quando Raphael Azevedo recebe cruzamento na área, cabeceia firme e o goleiro realiza uma defesaça.

O Tricolor Praiano só conseguiu atacar com perigo aos 20 minutos, mas Jefferson parou o ataque da equipe. O atacante João Carlos faz boa jogada tocando para Maranhão, livre dentro da área, que finalizou fraco para defesa do goleiro do Nova Iguaçu.

A partir da segunda parada técnica, o ritmo de jogo das duas equipes diminuiu. A Cabofriense se fechou na defesa, jogando no estilo dos contra-ataques rápidos, mas não conseguiu encaixar nenhum efetivamente. A Laranja Mecânica da Baixada tentou infiltrações no time visitante, mas sem muito perigo para o gol do inspirado George.

O Próximo confronto da Cabofriense será neste domingo (21), às 20h15, contra a equipe do Flamengo, na Ilha do Urubu, no município do Rio de Janeiro. Com esse empate, as equipes somaram um ponto no grupo B.

- Advertisment -

Mais lidas

'Pedal Outubro Rosa' acontece nesta quinta em Cabo Frio

‘Pedal Outubro Rosa’ acontece nesta quinta em Cabo Frio

Evento tem objetivo de somar com a campanha contra o câncer e de conscientizar sobre a importância da bicicleta