Início Destaque Guarda municipal retira servidores a força de pátio da prefeitura de São...

Guarda municipal retira servidores a força de pátio da prefeitura de São Pedro da Aldeia

Manifestação é contra a decisão do prefeito Fábio do Pastel de criar benefícios para Salineira usando o dinheiro do vale-transporte dos servidores

-

A prefeitura de São Pedro da Aldeia, acionou a Guarda Municipal para retirar servidores, a força, de dentro do pátio da prefeitura durante uma manifestação, nessa quarta-feira (18), contra a sequência de decisões do prefeito Fábio do Pastel de criar benefícios para a Auto Viação Salineira usando o dinheiro do vale-transporte dos servidores.

Durante a manifestação os servidores invadiram o pátio da prefeitura, que chamou a Guarda Municipal para conter os manifestantes. Um servidor, representante do sindicato, foi levado a força para a delegacia.

Entenda o caso

No mês de junho, a Salineira anunciou que seu braço no município, a Viação São Pedro, estaria abandonando o contrato de transporte público em São Pedro da Aldeia. O motivo alegado pela empresa foi um suposto desequilíbrio econômico causado por “concorrência desleal”. A Viação São Pedro é a única empresa detentora de direitos sobre as linhas municipais em São Pedro.

Os profissionais da educação de São Pedro da Aldeia fizeram um protesto na frente da Prefeitura, na última terça-feira (10), em posição contrária à decisão do prefeito Fábio do Pastel. Após o ato uma comissão foi recebida por alguns secretários do governo. O Coordenador do Sepe Costa do Sol, Renato Reis, disse que a Prefeitura “está irredutível”.

“A prefeitura está irredutível. Eles deixaram claro que a ideia é que a salineira se mantenha enquanto prestadora de serviço nesse momento, porque eles acreditam que não tem tempo para fazer um chamamento agora e uma licitação para que entre (uma nova empresa) dentro desse prazo de 30 dias que o Ministério Público deu para eles”. Afirma Renato.

Entre as brigas que a prefeitura já comprou contra os servidores para beneficiar a Auto Viação Salineira está a proibição a abertura de processos administrativos, por parte dos funcionários municipais, solicitando que o valor referente ao vale-transporte continue sendo depositado em dinheiro, junto com o salário, diretamente nas contas bancárias.

O movimento é formato pelos Sindicato dos profissionais da Educação (Sepe Costa do Sol), Sindicato dos Agentes de Combate a Endemias e Agentes Comunitários de Saúde e Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Iguaba Grande e São Pedro da Aldeia (Sindserv/IG-SPA).

De acordo com a Prefeitura de São Pedro da Aldeia, os manifestantes quebraram o portão e ocuparam o pátio, colocando em risco a integridade física dos guardas municipais que faziam a segurança do local. Ainda segundo a prefeitura, o governo municipal instaurou medidas jurídicas e administrativas a serem tomadas contra aqueles que depredaram o patrimônio público.

Fábio do Pastel reiterou através de nota que respeita toda e qualquer manifestação democrática e pacífica por parte dos servidores municipais. Em relação ao servidor que foi encaminhado à delegacia, o governo informa que a Guarda Municipal usou de suas atribuições funcionais para levar um dos manifestantes para a delegacia, por ter cometido crimes contra o patrimônio público.

Rate this post
- Advertisment -

Colunas

Mais lidas

Rate this post
%d blogueiros gostam disto: