Início Armação dos Búzios Implantação de rede separadora amplia cobertura de coleta de esgoto em Búzios

Implantação de rede separadora amplia cobertura de coleta de esgoto em Búzios

Mais de seis mil metros de tubulação contemplam os bairros Manguinhos, Geribá, Centro e Alto de Búzios

-


 

 
Búzios está recebendo importante obra em saneamento básico: a implantação de 6,5 mil metros de rede de esgoto em quatro diferentes bairros: Manguinhos, Geribá, Centro e Alto de Búzios.

Mais de 70% da tubulação já foi assentada e a previsão é que todo trabalho esteja concluído até novembro. As atividades estão sendo executadas seguindo as medidas de segurança contra o novo coronavírus recomendadas pelas autoridades de saúde.
 
O investimento de mais de R$ 2 milhões amplia a cobertura de coleta de esgoto no modelo separador absoluto, em complemento ao tempo seco, que capta as contribuições que chegam pela rede de drenagem, sistema em vigor na região. Com a intervenção, os quatro bairros se somam a outros locais no balneário que já contam com o sistema separador absoluto, como João Fernandes, Ferradura e Praia dos Ossos.
 
O projeto foi elaborado em parceria com a prefeitura, que definiu as cerca de 30 ruas contempladas.

“Não foi uma escolha aleatória, focamos nos locais onde já havia este tipo de sistema com o objetivo de concluirmos as áreas atendidas pela rede exclusiva de coleta de esgoto. A ideia é progressivamente atendermos todo o município neste modelo”, explica o secretário de Obras, Paulo Abranches, que acompanha todo o trabalho de perto.
 
Para minimizar os impactos para os moradores, a obra está sendo executada neste período em que a circulação de pessoas e automóveis está restrita por conta da pandemia. Além disso, foi implantado regime especial de atividades com a abertura e fechamento das valas no mesmo dia de trabalho, liberando a via.

A ampliação da cobertura em esgotamento sanitário tem relação direta no desenvolvimento dos municípios, melhorando a qualidade de vida, aumentando a proteção ao meio ambiente e valorizando o imóvel. Para que o investimento tenha eficácia, após a disponibilidade da infraestrutura os proprietários dos mais de 600 imóveis diretamente beneficiados devem providenciar a interligação à nova rede.

“Deixamos um terminal de ligação em frente de cada casa ou comércio para que a conexão seja feita. É preciso adequar o sistema interno, desativar a fossa domiciliar e fazer a ligação neste ponto, garantindo que o esgoto tenha a destinação adequada”, reforça o engenheiro da Prolagos, Adibe Santos.
 
As novas redes coletoras serão interligadas às existentes, levando o efluente para a estação de tratamento no bairro São José. A ETE Búzios tem capacidade para tratar 17 milhões de litros por dia, atua em nível terciário, com desinfecção por raio ultravioleta e é uma das mais modernas no país.

- Advertisment -

Mais lidas

pendik escort kartal escort çekmeköy escort mersin escort türkçe altyazılı porno lezbiyen porno sex hikaye mersin escort bodrum escort