A Comissão de Auditoria da Prefeitura de Cabo Frio, instaurada no início do governo de Dr. Adriano em julho, afirma ter encontrado cerca de quatro indícios de irregularidades em processos contratuais do município na gestão passada. Segundo a Prefeitura, duas fazem parte da construção de escolas da rede municipal e os outros são da Secretaria de Esportes e de Saúde.

Ainda de acordo com a Prefeitura, há irregularidades na construção da Escola Padrão Patrícia Azevedo, no bairro Jardim Esperança, e da Escola Municipal de Ensino Fundamental Alfredo Castro. Na Saúde, a locação de ambulâncias apresenta erros. Já no Esporte, a Prefeitura afirma que há indícios de danos ao patrimônio público no Ginásio Poliesportivo Alfredo Barreto.

A Prefeitura afirma que depois da identificação dos responsáveis e quantificação dos danos causados ao município, as tomadas de contas serão enviadas ao Tribunal de Contas do Estado e ao Ministério Público. O prazo final é de 120 dias a partir da publicação das tomadas.

A comissão é formada pelo procurador-geral do município, Cáio Cesar Dias Castro de Oliveira, secretária de Administração, Elicéa da Silveira e controlador-geral, Castro Neto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *