Início Destaque Operação Arrasto prende cinco pessoas e apreende 1,5 tonelada de camarão em...

Operação Arrasto prende cinco pessoas e apreende 1,5 tonelada de camarão em São Pedro

MPF e PF reprimem pesca de camarão em período de reprodução na lagoa de Araruama e envolvidos responderão por crime ambiental

-

O Ministério Público Federal (MPF) em São Pedro da Aldeia e a Polícia Federal (PF) deflagraram nesta quinta (18), a Operação Arrasto, com o cumprimento de sete mandados de busca e apreensões em endereços de pessoas que realizam a pesca de camarão no período de defeso na lagoa de Araruama.

A ação resultou em cinco prisões e na apreensão de 1,5 tonelada de camarões pescados ilegalmente, além de apetrechos, 11 redes de pesca, documentos, um celular, computadores, cinco máquinas caça-níquel, arquivos eletrônicos, entre outros objetos. As investigações comprovaram a prática proibida na lagoa, o que causa grande impacto na população de camarões naquele ambiente, podendo levar à sua extinção.

O Procurador da República Leandro Mitidieri, responsável pela investigação, disse que: “ao invés da tão alardeada repressão penal na ponta, a operação de hoje demonstra que o crime se combate com inteligência, desvendando-se os atravessadores. O próximo passo é a apuração dos compradores do camarão proibido, que fomentam toda a cadeia criminosa”.

Os locais de armazenamento foram identificados e os envolvidos poderão responder por crime ambiental e formação de quadrilha. Todos os camarões foram doados para sete entidades beneficentes de assistência social.

- Advertisment -

Mais lidas

'Pedal Outubro Rosa' acontece nesta quinta em Cabo Frio

‘Pedal Outubro Rosa’ acontece nesta quinta em Cabo Frio

Evento tem objetivo de somar com a campanha contra o câncer e de conscientizar sobre a importância da bicicleta