Início Destaque Pensionista precisou ir de ambulância ao banco para provar estar viva

Pensionista precisou ir de ambulância ao banco para provar estar viva

A senhora de 59 anos está internada há 24 dias no hospital, com uma artéria entupida

-

Uma pensionistas de 59 anos que está internada em um hospital de Rio das Ostras teve que ir à agência de um banco para comprovar estar viva nessa terça-feira dia (23).

Segundo a filha da pensionista, sua mãe teve que comparecer na agência mesmo estando internada há 24 dias no hospital, com uma artéria entupida.

A pensionista precisou ir de ambulância até a agência do banco para a comprovação, e, chegando ao local, a família ainda precisou sair da ambulância, porque os funcionários do banco não saíram para atender a pensionista na ambulância.

Uma lei estabelece que os segurados com idade acima de 80 anos e beneficiários com dificuldades de locomoção podem agendar pelo telefone 135 para que um servidor do INSS vá à residência ou a outro local para que seja realizado o procedimento de prova de vida.

A família alegou que o INSS não ofereceu esse serviço.

Já o banco informou que é necessário para realizar a prova de vida colocar a senha cadastrada ou capturar a biometria do próprio beneficiário, por isso o procedimento deve ser executado dentro da agência e os funcionários não são autorizados a sair.

- Advertisment -

Mais lidas

pendik escort kartal escort çekmeköy escort mersin escort türkçe altyazılı porno lezbiyen porno sex hikaye mersin escort bodrum escort