windows 10 pro office 2019 pro office 365 pro windows 10 home windows 10 enterprise office 2019 home and business office 2016 pro windows 10 education visio 2019 microsoft project 2019 microsoft project 2016 visio professional 2016 windows server 2012 windows server 2016 windows server 2019 Betriebssysteme office software windows server https://softhier.com/ instagram takipçi instagram beğeni instagram görüntüleme instagram otomatik beğeni facebook beğeni facebook sayfa beğenisi facebook takipçi twitter takipçi twitter beğeni twitter retweet youtube izlenme youtube abone instagram

Início Araruama PF prende secretário de administração penitenciária do Rio por suspeita de acordo...

PF prende secretário de administração penitenciária do Rio por suspeita de acordo com facção criminosa

Investigação aponta que os desvios cometidos foram praticados em troca de influência sobre os locais de domínio dos traficantes e outras vantagens ilícitas

-

A Polícia Federal (PF) prendeu nesta terça-feira (17), na Operação Simonia, Raphael Montenegro, secretário estadual de Administração Penitenciária (Seap) do RJ, e dois subsecretários, Wellington Nunes da Silva, da gestão operacional, e Sandro Farias Gimenes, superintendente.

De acordo com investigações do Ministério Público Federal e do Departamento Penitenciário Federal, agentes públicos facilitavam a volta de chefes do tráfico presos no presídio de Catanduvas, no Paraná, para o sistema prisional fluminense. Os alvos da ação ainda permitiam a entrada de pessoas e itens proibidos na cadeia.

A ação é realizada poucas semanas após a soltura de Wilton Carlos Rabello Quintanilha, conhecido como Abelha, apontado pela Polícia Civil como um dos chefes do tráfico de drogas do Comando Vermelho. A liberação do criminoso aconteceu mesmo com um mandado de prisão ativo.

A investigação aponta ainda que os desvios cometidos pelos investigados foram praticados em troca de influência sobre os locais de domínio destes traficantes e outras vantagens ilícitas.

Na ação de hoje, cerca de 40 policiais federais cumprem os mandados, expedidos pela Tribunal Regional Federal da 2ª Região, já que Montenegro tem foro. O governador Claudio Castro, na sexta-feira passada, chegou a dizer que ele seria exonerado pela soltura de Abelha, mas a decisão ainda não foi publicada no Diário Oficial.

- Advertisment -

Mais lidas

%d blogueiros gostam disto: