Início Destaque Prefeito de São Pedro costura permanência da Salineira com verba do vale-transporte

Prefeito de São Pedro costura permanência da Salineira com verba do vale-transporte

Fábio do Pastel quer direcionar o vale transporte dos servidores para o cartão da empresa de ônibus,; vereadores são contrários à ideia

-

O prefeito de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel, está costurando uma estratégia para manter no município o serviço da Auto Viação Salineira: utilizar Cartão Eletrônico de Transporte Coletivo (Vale-Transporte), da empresa para pagar a passagem dos servidores do município. Atualmente o valor da passagem é repassado aos funcionários com depósito direto em conta.

Segundo o Memorando Circular emitido pela Secretaria de Administração do município, a que o Fonte Certa teve acesso, o contrato já foi assinado pelo município e a empresa. O vale-transporte passará a ser utilizado ainda no mês de agosto. Assim, a empresa permanecerá prestando os serviços de transporte no município.

A Justiça tinha concedido, em favor do município, uma liminar obrigando a Auto Viação Salineira a continuar prestando serviço de transporte em São Pedro da Aldeia até o dia 08 de agosto.

Vereadores discursam contra a mudança

Na segunda sessão após o recesso legislativo, nesta quinta-feira (08), os vereadores da Câmara de São Pedro utilizaram a tribuna com discursos contra a mudança.

Vereador Jean Pierre (Líder do governo): “me levanto contra um ato que recebi por via informal, coisa que me assusta, pois acredito que deveríamos ser informados de forma oficial. Eu confesso que já tínhamos conversado com o prefeito sobre essa tomada de decisão, que essa não seria a melhor opção, pois é inviável dar um cartão de vale-transporte ao servidor da educação, por exemplo, já que a empresa oferta um serviço com uma série de deficiência no município, com horários inacessíveis para o servidor público. Eu sou professor, como todos aqui sabem e antes de estar vereador trabalhei aqui no município na rede municipal de educação. Muitas vezes temos que dar aula em mais de uma escola no mesmo dia para poder completar a carga horária e muitas vezes, o tempo que temos para sair de uma escola e chegar na outra é muito curto. Com isso, muitos colocam seus próprios carros a favor do município, pois o valor do vale-transporte não cobre os gastos que o servidor tem com o próprio veículo. Peço ao prefeito e aos secretários que revejam essa decisão. Vou buscar com minha equipe jurídica uma forma de rever essa decisão. Me manifesto contra essa ação e a favor do funcionário público.”

Vereador Vitinho de Zé Maia – “Vereadores, espero que possamos nos unir para que isso não aconteça. Os servidores do nosso município não podem ficar reféns dessa empresa.”

Vereadora Mislene de André – “Por ser servidora da educação, recebi várias mensagens de outros servidores, entre elas de uma diretora que mora no centro da cidade e trabalha em uma escola da zona rural do município e o ônibus só passa por perto da escola duas vezes ao dia. Como essa servidora vai fazer para ir e vir do trabalho, já que ela vai com o próprio veículo. Além de professores que ficam apenas um horário na escola, como vão fazer para cumprir os horários nas outras escolas, já que ele tem o direito por Lei de ter até duas matrículas em escolas diferentes. A anos a salineira não cumpre os deveres com nosso município. E agora somos surpreendidos por essa decisão do prefeito e sem antes comunicar e conversar com essa Casa Legislativa.”

Vereador Cristianey (Chimbiu) – “Mais uma vez a população e nossos funcionários públicos vão sendo prejudicados por essa empresa. Tivemos reuniões e eles ameaçaram a sair do município. Conversamos com o prefeito e ficou decidido que faríamos o melhor para a nossa população e ao apagar das luzes, acredito que tenham feito outras reuniões e chegou ao ponto de a prefeitura ceder para a Salineira de novo. Mais uma vez a Salineira mostrando que ela é poderosa. Eu, como vereador, junto com os demais colegas, farei de tudo para isso não acontecer.”

Rate this post
- Advertisment -

Colunas

Mais lidas

Rate this post
%d blogueiros gostam disto: