Início Armação dos Búzios Prefeitura de Búzios recorre da decisão judicial que determina novo lockdown na...

Prefeitura de Búzios recorre da decisão judicial que determina novo lockdown na cidade

Uma vídeo conferência foi realizada com o objetivo de mostrar o cumprimento das ações acordadas com a Defensoria Pública

-

A prefeitura de Búzios informou que nessa quinta-feira (17) já entrou com recurso para reverter a decisão judicial que suspende os efeitos do Decreto Municipal 1.533/2020, de 10 de dezembro de 2020, restabelecendo o Decreto Municipal 1.366, de 21 de março de 2020.

A prefeitura esclarece que a decisão judicial se baseia em Termo de Ajustamento de Conduta celebrado com a Defensoria Pública em junho de 2020, e que o termo não foi honrado pela gestão anterior, do prefeito André Granado.

Ainda de acordo com a prefeitura desde que a atual gestão do prefeito em exercício, Henrique Gomes, assumiu o governo, vários itens do TAC começaram a ser cumpridos, como o aumento do número de leitos de internação para Covid-19. O TAC exigia 17 leitos para pacientes de coronavírus. A prefeitura já tem em funcionamento no Hospital Municipal Rodolpho Perissé, 12 leitos completos de UTI com respirador, monitor multipanorâmico e carrinho de parada, mais 5 leitos exclusivos. Além disso, a prefeitura por iniciativa própria está montando mais seis leitos especiais para atendimento a pacientes de Covid-19.

Também em atendimento ao TAC a prefeitura de Búzios já implementou a tenda de atendimento especial para pacientes com sintomas da doença, e contratou 14 médicos, 14 enfermeiros e técnicos de enfermagem para oferecer um funcionamento 24h do espaço. Além disso, a prefeitura criou mais 12 centros de atendimento para casos suspeitos de Covid-19 em todas as unidades básicas de saúde do município. Também foi realizada a testagem em massa dos moradores, com a aquisição de 20 mil testes de Covid-19, e a Secretaria de Saúde destaca a contratação de mais 33 agentes de saúde para atuação nas duas barreiras sanitárias da cidade.

Documentos com a comprovação de todas as ações concretizadas pela prefeitura em cumprimento ao TAC já foram encaminhados à Defensoria Pública. Na tarde dessa quinta-feira (17), a consultora jurídica do município, Roseli Borges, juntamente com o prefeito em exercício Henrique Gomes e o promotor Rafael Dopico da Primeira Promotoria do Ministério Público, realizaram uma vídeo conferência com a defensora pública Raphaela Jahara, com o objetivo de mostrar o cumprimento das ações acordadas com a Defensoria Pública, dirimindo dúvidas e agilizando o andamento do processo. A defensora se comprometeu a analisar os documentos ainda nessa quinta-feira.

- Advertisment -

Mais lidas

pendik escort kartal escort çekmeköy escort mersin escort türkçe altyazılı porno lezbiyen porno sex hikaye mersin escort bodrum escort