Início Cabo Frio Subtenente Bernardo diz que será candidato a prefeito de Cabo Frio

Subtenente Bernardo diz que será candidato a prefeito de Cabo Frio

Deputado estadual do Pros confirmou intenção pelas redes sociais nesta sexta-feira (13)

-

O deputado estadual Subtenente Mauro Bernardo (Pros) anunciou pelas redes sociais, nesta sexta-feira (13), que é pré-candidato a prefeito de Cabo Frio para as eleições do ano que vem. Se levar a ideia adiante e registrar a chapa, Bernardo vai concorrer contra o colega de Assembleia Legislativa (Alerj), Doutor Serginho (PSL), que tem a intenção declarada de suceder o atual prefeito, Adriano Moreno (DEM), a partir de janeiro de 2021.

O anúncio foi feito em meio a uma série de postagens, inclusive de vídeos, onde demonstrou muita irritação com a participação da Guarda Municipal em uma blitz conjunta com a Polícia Militar, na Avenida Wilson Mendes, na quinta-feira (12). O deputado acusou a corporação de “abuso de autoridade” e “usurpação de função”, sob a alegação de que a legislação estadual permite que apenas agentes do Detran realizem operações para verificar documentação de motoristas e veículos.

Ele chamou a ação de “máfia das multas” e disse que o fato de a Guarda possuir convênio do Detran não autoriza os agentes municipais a realizar operações. O deputado disse que vai cobrar explicações da Guarda e que entregou ofício à Polícia Civil.

Embora não tenha afirmado diretamente, o fato teria sido a gota d’água que levou o deputado a se posicionar de forma diferente sobre a sucessão municipal, uma vez que a expectativa era de um anúncio de apoio oficial à candidatura de Serginho.

“Não aguento mais tanta covardia e desrespeito às leis nesse país, desde o primeiro dia do meu mandato que venho lutando todos os dias contra injustiças contra o povo. Estou tão indignado que não era a minha vontade, mas diante de tanto desmando e querendo o melhor para Cabo Frio, quero anunciar a minha pré-candidatura a prefeito de Cabo Frio e vou trabalhar para deixar um legado para as famílias que como eu não aguenta mais uma cidade que parou no tempo em tudo: serviços públicos precários, desemprego, endividamento, falta de transparência e tudo de ruim que estamos assistindo há anos”, postou.

O anúncio do deputado embola o a sucessão eleitoral do município, que já possui outras pré-candidaturas anunciadas. Além do próprio Serginho, afirmaram real interesse em disputar a eleição o atual prefeito Adriano; os vereadores Rafael Peçanha (PDT) e Jefferson Vidal (PSC); o ex-prefeito e ex-deputado José Bonifácio (PDT) e a empresária Cristiane Fernandes (PSD), que disputou o pleito suplementar no ano passado.

Os ex-prefeitos Alair Corrêa (Podemos) e Marquinho Mendes (MDB) também anunciaram interesse em disputar, mas estão inelegíveis e, para isso, precisariam de uma liminar na Justiça. Com relação a Marquinho, os mais cotados a receber o apoio e parte do capital político os vereadores Aquiles Barreto (SD) e Luis Geraldo (PRB), atual presidente da Câmara.

- Advertisment -

Mais lidas