Início Cabo Frio Vigilância em Saúde recebe ocorrências de surgimento de caramujos africanos em Cabo...

Vigilância em Saúde recebe ocorrências de surgimento de caramujos africanos em Cabo Frio

Alterações climáticas são responsáveis pelo aumento dos moluscos

-

A Vigilância em Saúde de Cabo Frio recebeu chamados para averiguar a ocorrência de surgimento de caramujos africanos, na manhã desta quinta-feira (28), nos bairros Jacaré e Ogiva.

De acordo com a coordenadora da Vigilância em Saúde, Andreia Nogueira, as alterações climáticas favorecem o surgimento desses moluscos e a população precisa ficar atenta.

“Com o período de chuvas de verão, as condições climáticas são favoráveis à sobrevivência desse animal, já que encontram aumento da oferta de abrigo e de alimento. Para conter o avanço do molusco, além das ações desencadeadas pelo setor público, é fundamental o apoio da população quanto ao asseio dos ambientes e forma correta de descarte de lixo, por exemplo. É recomendado manter os quintais e terrenos limpos, pois geralmente são nesses locais que os caramujos se escondem”, explicou a coordenadora.

Os caramujos africanos passam ao ser humano verminoses por meio do muco que produzem para se deslocar ou por meio da ingestão de verduras e hortaliças sujas com o muco do caramujo. Por esse motivo, a orientação para a população é nunca tocar nestes animais sem luvas ou sacos plásticos nas mãos e a realizar a higienização adequada das mãos após eventual contato com o animal, tanto quanto dos alimentos.

Apesar da possibilidade de transmissão dessas verminoses, não há registro da doença em Cabo Frio até o momento.

As reclamações quanto ao surgimento desses caramujos podem ser feitas por meio do telefone 2644-7916 ou diretamente na sede da Coordenadoria de Vigilância em Saúde Ambiental de Cabo Frio, localizada a Rua Índia, nº40ª, Jardim Flamboyant.

A forma mais adequada de eliminar os caramujos africanos é por meio do controle mecânico. Depois de proteger as mãos para pegar os moluscos, a recomendação é jogar em um saco de lixo e dentro do saco sal em grande quantidade para matar os moluscos.

Já os alimentos que entraram em contato com caramujos precisam ser descartados e os outros, antes de serem consumidos, devem ser desinfetados com solução de água sanitária.

- Advertisment -

Mais lidas

'Pedal Outubro Rosa' acontece nesta quinta em Cabo Frio

‘Pedal Outubro Rosa’ acontece nesta quinta em Cabo Frio

Evento tem objetivo de somar com a campanha contra o câncer e de conscientizar sobre a importância da bicicleta