Início Destaque Volta às aulas em São Pedro da Aldeia é regulamentada por novo...

Volta às aulas em São Pedro da Aldeia é regulamentada por novo Decreto

Rede privada de ensino retorna atividades presenciais, seguindo protocolo de proteção, já a rede pública segue com aulas on-line durante transição

-

O município de São Pedro da Aldeia regulamentou o funcionamento das escolas e creches particulares de forma híbrida (presencial e on-line) e das instituições públicas de ensino apenas na modalidade não presencial (on-line). As medidas constam no Decreto N⁰ 027, publicado nessa quarta-feira (03).

A Secretaria Municipal de Educação apresentará o protocolo de retorno às aulas, no prazo de 10 dias, no qual constará as fases de transição para as aulas presenciais na rede pública de ensino. Junto ao Decreto, foi publicado um anexo com todo o protocolo de proteção à Covid-19 a ser seguido pelas instituições privadas.

O Gabinete de Crise, formado por representantes das secretarias municipais, e instituído pela gestão Fábio do Pastel, aponta que a decisão de retorno das aulas levou em consideração que o público-alvo registrou baixos índices de contaminação. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, no período de março de 2020 a janeiro de 2021, crianças e adolescentes representaram em números 18 casos confirmados dentre toda a população da cidade de São Pedro da Aldeia. A cor da bandeira segue laranja no município.

Os números e estratégias de prevenção à Covid-19 em São Pedro da Aldeia são analisados diariamente e são divulgadas atualizações nas redes oficiais da prefeitura. Os dados são debatidos minuciosamente pelos representantes do Gabinete a cada semana. O retorno às aulas autorizado pela prefeitura da capital do Rio de Janeiro foi outro parâmetro utilizado para a decisão.

O Decreto Municipal autoriza as matrículas e aulas nas escolas e creches particulares para o ano letivo de 2021, apenas mediante o cumprimento integral do protocolo de retorno às aulas. Desta forma, foram autorizadas as aulas nas modalidades presencial, não presencial (on-line), bem como híbrida, a critério de cada instituição privada.

Ficam autorizadas, ainda, as matrículas e aulas nas escolas e creches da rede pública de ensino para o ano letivo de 2021, na modalidade não presencial (on-line), também mediante o cumprimento integral do protocolo de retorno às aulas.

Caberá à Secretaria Municipal de Saúde, através da Diretoria de Vigilância Municipal, a fiscalização do cumprimento do novo decreto pelas escolas e creches particulares e públicas do município.

- Advertisment -

Mais lidas

pendik escort kartal escort çekmeköy escort mersin escort türkçe altyazılı porno lezbiyen porno sex hikaye mersin escort bodrum escort