Início Destaque Inscrições abertas para aulas gratuitas de bateria em São Pedro da Aldeia

Inscrições abertas para aulas gratuitas de bateria em São Pedro da Aldeia

Atividade é voltada a alunos de 10 a 18 anos; curso básico é oferecido pela Escola de Música Vivace como contrapartida da Lei Aldir Blanc

-

Estão abertas as inscrições para aulas gratuitas de bateria em São Pedro da Aldeia. O curso básico é destinado a crianças e jovens, de 10 a 18 anos, residentes na cidade. A iniciativa, oferecida pela Escola de Música Vivace, é mais uma das atividades artísticas oferecidas gratuitamente aos estudantes aldeenses como contrapartida da Lei Aldir Blanc. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas até o dia 2 de novembro, através de um formulário on-line, disponível na página da Secretaria Adjunta de Cultura, no site da Prefeitura, em https://pmspa.rj.gov.br/secretarias/secretaria-adjunta-de-cultura/.

As aulas individuais serão realizadas todas as quintas-feiras, com opções de matrícula no horário da manhã, às 9h30, ou à tarde, às 15h10. O curso será ministrado na sede da Escola, localizada na Avenida Francisco Coelho Pereira, nº 250, no Centro, e tem duração total de seis meses.

A diretora e cofundadora do espaço, Viviane Marques, explica que o curso é dividido em cinco módulos, com abordagem teórica e prática. “O conteúdo programático passa pelo ensino das técnicas, dos ritmos e levadas, leitura de partitura, exercícios de articulação, força e de pés para controle de pedais, fraseologia, estudo dos compassos e também um módulo exclusivo sobre criação, aplicação em músicas e na liberdade de improviso do aluno”, conta.

A concessão das duas bolsas para alunos de São Pedro da Aldeia faz parte da contrapartida da Lei Aldir Blanc, que determina que os espaços artísticos contemplados garantam a realização de programações gratuitas para a população, prioritariamente aos estudantes da rede pública de ensino. No município, a Escola de Música Vivace foi uma das 48 unidades beneficiadas com o subsídio do Governo Federal, via inciso 2 da Lei.

Fundada em 2012 em São Pedro da Aldeia, a escola tem o propósito de formar músicos, instrumentistas e cantores, e de se estabelecer como um espaço musical na Região dos Lagos. Como aconteceu com dezenas de outros espaços e instituições culturais da cidade, durante a pandemia a unidade precisou se adaptar ao ambiente digital e retorna de maneira presencial, mantendo as medidas de prevenção à Covid-19, que incluem o uso obrigatório de máscara em sala de aula.

“Assim como vários outros agentes culturais, a Escola Vivace também sofreu muito com a paralisação das atividades por conta da pandemia. Nosso espaço precisou se adaptar ao formato on-line e teve grandes dificuldades para cumprir seus compromissos financeiros. Os recursos vindos pela Lei Aldir Blanc deram à Escola a possibilidade de quitar parte das contas que já estavam vencidas, nos ajudando a passar por este difícil momento”, ressaltou a diretora.

Vale lembrar que, havendo maior número de inscrições do que a quantidade de vagas oferecidas, será considerada a ordem de inscrição. O resultado, com a classificação geral e a listagem dos alunos da lista de espera, será divulgado posteriormente na página da Secretaria Adjunta de Cultura.

Rate this post
- Advertisment -

Mais lidas

Rate this post
%d blogueiros gostam disto: